Dicas para se destacar na alta competitividade do mundo da beleza

O setor da beleza é um dos mais movimentados na economia nacional.

Segundo a Abihpec (Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos), o faturamento da área alcançou a marca de 42 milhões de dólares em 2015 (cerca de 1,4 menor do que a do ano interior, mas ainda assim muito satisfatória). Mesmo que enfrente alguns gargalos referentes à situação econômica do Brasil, podemos analisar a relação da economia com o mercado da beleza e obter resultados um tanto quanto favoráveis para quem atua na área.

Contudo, faturamentos tão expressivos não poderiam vir sem a presença de uma altíssima competitividade: todos querem sua parcela. Acontece que nem todos estão prontos para entregar o nível que o mercado pede, por isso é importante que você procure se atualizar constantemente e ter uma boa estratégia, investindo tempo e recursos no seu planejamento. Além disso, existem algumas outras posturas que precisam ser adotadas para obter sucesso neste setor.

  1. Reciclagem constante

Precisamos reforçar esse ponto. Quando falamos em estar sempre por dentro das tendências no mundo da beleza, o significado é forte e expansivo. O ramo da estética em geral está constantemente se atualizando. Você precisa se esforçar, literalmente, para alcançar o nível do que está em alta. Invista tempo, dinheiro e o que mais for necessário para estar sempre um passo à frente, acompanhando tudo que estiver “na moda” dentro da sua área. Isso vai fazer a diferença.

  1. Entenda que preço não é tudo

Por ser uma área que envolve o uso de muitos produtos, a relação com bons fornecedores é essencial. Não comprometa o resultado a ser entregue ao seu cliente por conta de uma suposta economia. No fim das contas, você só sai perdendo. Use produtos de qualidade e sempre pense no custo-benefício. Há fornecedores que cobram mais caro, mas compensam oferecendo cursos, workshops e outras formas de capacitação.

  1. Expanda sua rede

Networking é tudo. O ditado está certo: quem não é visto, não é lembrado. Compareça em tudo que for da sua área, desde feiras e convenções, até redes sociais. Postar o seu trabalho é uma forma de estar presente.

  1. Encontre seu público

Se especialize pensando no nicho que quer atender. Podemos tomar como exemplos salões que trabalham apenas com um tipo de serviço específico e/ou para um tipo de público específico quem têm obtido sucesso: cabelos afro, cacheados, loiros, barba, cortes retrôs, entre outros.

  1. Conheça os seus clientes

Nenhum empreendimento tem sucesso se o negócio não saber quem está tratando. No caso do ramo da beleza, não é diferente. Saber exatamente quem é o seu público, do que ele gosta, o que ele procura e quanto pode pagar por isso, é essencial.