Em julho de 2017, Smiles teve maior acúmulo, resgate e faturamento de sua história

Resultado de imagem para pontos smiles

Enquanto alguns penam e até declaram falência, em meio à realidade de recessão econômica em que vivemos, outros, por sua vez, vêm tendo sucesso em seus respectivos negócios. Um exemplo disso é a Smiles, uma operadora de programas de fidelidade. Afinal, no mês de julho deste ano, 2017, ela registrou um acúmulo tamanho, que o respectivo mês terminou sendo o melhor da história dessa operadora. E isso em relação tanto a acúmulo quanto a resgate e também a faturamento. Não obstante, o cenário daquele mês pressagiava prováveis resultados mais fortes ainda, no caso, para o terceiro trimestre que a partir dali começava. E essa não era a opinião de um palpiteiro qualquer, mas o suprassumo da declaração dada por Leonel Andrade, o presidente da empresa à época, no dia 4 de agosto, uma sexta-feira.

Ele não terminou por aí, pois ainda fez questão de acrescentar, dado o o balanço do segundo trimestre, e via teleconferência, sobre ser o resultado daquele mês anterior, julho, até mesmo “entusiasmante”. E isso sem deixar de acrescentar que seria a performance da operadora ainda bem melhor nos próximos dois meses, no caso, agosto e setembro, fechando assim o terceiro trimestre do ano de 2017.

Para o executivo, a companhia deveria, além de tudo isso, permanecer com o foco na troca de milhas por experiências, posto que ele fez questão de ressaltar ser a aquisição de agência de viagens, até ali tida como recente, apenas um complemento. Assim, teria essa aquisição o fim de propiciar um aumento da competitividade, além de que, com isso, pudesse ser oferecido um serviço de fato completo ao cliente.

Mais detalhadamente sobre a Smiles, além de lembrar tratar-se de uma empresa cujo o controle pertence à Gol, deve ser destacado que registrou-se um lucro, durante o segundo trimestre dessa empresa, em 2017, que chegou aos R$ 156,3 milhões. Uma alta que, quando compara-se com os resultados do mesmo trimestre no ano passado, 2016, chega-se à proporção de mais 18,3%. Além disso, quanto ao acúmulo de milha nesse referido período, a elevação foi de 54,9%, atingindo-se então a marca histórica de 20,4 bilhões de pontos.